20.9.16

caso pratico: x ganha bem, tão bem que o governo anterior na revisão dos escalões do irs para efeitos de tributação do rendimento atirou x para a classe dos "ricos". por outro lado, x é proprietária de duas casas que, juntas, tem um valor tributável que não chega a 150 mil euros, sendo que o valor de mercado, na loucura, pode rondar os 200 mil. para os porta vozes do governo anterior - que já deixou de ser governo mas não acredita - x e pouco mais que uma coitada que nem sequer deve ter pretensões de pertencer a classe média quanto mais a classe dos "ricos". descubra o paradoxo ideológico e explique por palavras suas. 

Sem comentários: