10.3.23


A Perfect Circle - When The Levee Breaks

sobre coisas bonitas. e simples. mas cheias. coisas bonitas, simples, mas cheias. só isso. e isso é tudo. 
 

28.2.23

x sabe que está num momento particular, em que x irradia uma espécie de luz. e x sabe também que essa luz se expande e chega a sítios meio improváveis. mas o que x não sabia é que alguém que há muito fez parte da sua vida diária, mas com quem nunca teve especial intimidade, hoje havia de contactar x para dizer algo como “estou num momento difícil, tenho de mudar de vida, e a primeira coisa que me lembrei foi pegar num caderno que me ofereceste há muito, para apontar o meu novo destino. porque tu x, és uma fonte de inspiração.” x ficou ali uns segundos pasmada, e depois pensou “não é nada que não estivesses à espera x, prepara-te para o resto que mais virá por ai.”

19.1.23


x sabe há muito que os altos e baixos são sequênciais. que vão. que vêm. e que poucos ficam. e que as mais das vezes ficamos ali no limbo do "lado nenhum". mas já há uns tempos que x está num estado assim: de profunda calma interior, temperada por uma espécie de bliss que x não consegue explicar facilmente aos demais. mas este senhor explica em palavras simples: "when I know what I am at my deepest level, and that level never changes, its a feel-good level, it's a level that constantly issues forth a feeling of baseline hapiness."

bem-vindo 2023!